Café Arara

O café Arara combina vigor e produtividade e oferece um grão maior e de boa qualidade, mais pesado que outros. Por outro lado, o seu tempo de amadurecimento é longo; quando maduro, o fruto ainda é muito rígido para a retirada da semente, então é necessário aguardar até que esteja bem macio para ser colhido. A qualidade do café arara não se restringe apenas ao tamanho dos grãos, a bebida tem ótimo sabor e vem sendo constantemente premiada.

Café BOURBON

Os pés de Bourbon são altos, vão até 3m, mas seus frutos são menores. Por isso, o rendimento de café por hectare é menor em relação a outras variedades. Essa variedade é indicada para solos acima de 800m de altitude, para quem prefere fazer uma colheita precoce e especialmente para aqueles que desejam uma bebida de excelente qualidade! Geralmente a maturação dos Bourbons ocorre de 20 a 30 dias antes de outras variedades, o que é observado com muita atenção pelos produtores cooperados, para que o
ciclo não coincida com as floradas de outros cafeeiros.

Café Catiguá

As cultivares Catiguá podem ser facilmente identificadas porque as suas folhas são ligeiramente lanceoladas e estão posicionadas em ângulo agudo em relação ao ramo, sugerindo um formato de espinha de peixe. Além disso, os frutos, quando bem maduros,
são de coloração vermelha intensa., recomendada para a produção de cafés especiais, que tem como uma das principais características resistência à ferrugem, porte baixo e, principalmente, elevada qualidade de bebida.

Café Catuaí

Produto 100% brasileiro. O Café Catuaí foi obtido pelo cruzamento de “Caturra Amarelo”, com “Mundo Novo”. Essa nova combinação foi denominada de Catuaí, tendo como características principais o porte baixo, tipo Caturra, e a rusticidade e resistência do café “Mundo Novo”. Este cultivar foi liberado para fins comerciais pelo Instituto Agronômico de Campinas em 1972.A espécie produz cafés de qualidade, finos e requintados, de aroma intenso e inúmeras possibilidades de variações de corpo e acidez. A colheita de seus frutos é bastante facilitada por seu pequeno porte (dois metros de altura), além de haver um melhor aproveitamento da área de cultivo. Sua produção é bastante precoce, sendo que sua primeira colheita se dá aos dois anos. Seus frutos podem ser vermelhos (Catuaí vermelho) e amarelos (Catuaí amarelo).

Café Mundo Novo

O cultivares do café Mundo Novo é vindo do cruzamento natural das espécies Sumatra e Bourbon Vermelho. Seus grãos são de altíssima qualidade e é um dos motivos de seu café ser tão requisitado. É um café altamente saboroso e por ter seu sabor marcante e um aroma suave, ganhou muitos adeptos pelo país e é um dos mais utilizados para receitas gourmet.